2010 – Ano em que Púlpito pode virar Palanque

Publicado: 06/11/2009 por JoABsoN_CaRLoS em Notícias
Tags:, , ,

Politicagem na igreja

Salve, salve galerinha da MP vida e demais leitores…

Em face de uma reportagem na revista VEJA dessa semana, um nobre colega escreveu um pequeno artigo acerca da proximidade da politicagem, dando ênfase, principalmente, àquela que rodeia o lugar em que deve-se, apenas, fazer a vontade de DEUS (Adorá-lo e fazer Sua vontade…).

Vale a pena conferir, não se trata de texto longo, mas sim objetivo e interessante…

Espero que gostem:

2010 – ano em que púlpito vai virar palanque

Uma notícia veiculada na seção “Radar” da revista VEJA dessa semana, despertou a minha atenção para uma trágica realidade: a de que se aproxima o “toma-lá-dá-cá” da selvagem politicagem nacional, no alvoroçado rebanho “evangeliquês” do nosso idolatrado (ou idólatra) país.

Com o subtítulo “Evangélicos Divididos”, o editor dessa seção, Lauro Jardim, fez a seguinte declaração:

“As principais denominações evangélicas que hoje representam 15% da população, já estão discutindo 2010 ─ e, como não poderia deixar de acontecer, a divisão já está adiantada. A Renascer em Cristo, aquela cujos chefes Estevam e Sônia Hernandes foram presos nos EUA com dólares escondidos até na Bíblia, está praticamente fechada com José Serra. A Igreja Universal, acusada de remessa ilegal de dinheiro para o exterior vai de Dilma Rousseff no ano que vem”.

Interessante é que a matéria de Lauro Jardim não tocou no maior filão de votos, que é a corrente forte dos pentecostalistas. Tenho a ligeira impressão de que a maioria que forma essa seita cristã-sincrética de “guerreiros de fogo” está esperando o poder do “alto”, que deve vir em forma de profecias (já que profeta é o que não falta em suas hostes). Ou pode está aguardando um anjo de “luz”, para iluminar as suas mentes e os seus cofres, com a palavra final, sobre quem eles irão apoiar.

Não resta dúvida, de que uma grande batalha se instalará nos “armagedons” dos altares pentecostais, pois os representantes do deus Mamon, na figura dos candidatos, irão subir nos púlpitos (ops), nos palanques eclesiásticos, para tramar uma coalizão idêntica àquela que Lula disse que Judas faria naturalmente com Jesus, para governar a adormecida pátria que está “deitada eternamente em berço esplêndido, ao mar e a luz do céu profundo…” ─ como diz o pérfido e de mau gosto hino nacional (que tem mais língua estranha que às Ass. de Deus).

O deus Mamon (àquele do dinheiro ilícito) é muito astuto. Pode muito bem usar o púlpito ( antigo local sagrado) para falar em línguas estranhas, dar glórias a Deus e fazer fogo do céu cair e outras mil estripulias “inspirituais” para deleite da platéia histérica e ávida de espetáculos miraculosos, que fica de traseiro dormente sobre bancos duros. Não sabem os pobres coitados pentecostais, que a maior negociação entre os representantes do Deus de “pentecostes” e o Deus Mamon, ocorrerá em secreto nos “bunkers”, tipo aqueles em que Hitler se reunia com os seus comandantes, para não ser visto pela “populaça”. É lá nos gabinetes das igrejas, que propostas espúrias entre Mamon e o deus pentecostal serão negociadas em troca dos votos das ovelhas e bodes de seus currais. Votos serão transformados em bens, mansões, chácaras, automóveis importados, empréstimos à juros zero, estadias em hotéis de cinco estrelas em simulacros de congressos inventados, todas as semanas, para deleite carnal, usando como isca o nome de Deus, com temas bíblicos, transformados em bordões comerciais.

Quem tiver juízo, leia o que Jesus disse, sobre tempos como esses, em que os lugares sagrados (púlpitos – ou altares) estão sendo preparados para ser profanados: “Portanto quando virdes que a abominação da desolação de que falou o profeta Daniel, está no lugar santo (quem lê entenda), então os que tiverem na Judeia (Brasil), fujam para os montes”.

Por Levi B.Santos
Guarabira, 04 de novembro de 2009
Fonte: [ Ensaios & Prosas ]

__________________________________

Igreja e Política

Espero que o Sr. DEUS derrame Sua graça e sabedoria sobre os nossos pastores, para que não se tenha, sobre a nossa igreja, uma visão igual a que ouvimos, de um morador de rua, acerca de uma igreja próxima (regionalmente falando), na qual ele nos relatou, durante um dos impactos evangelisticos, mais ou menos assim: “Eu não acredito naquela igreja (nome), fiquei uma semana embaixo de uma árvore enquanto os empresários passavam e nada faziam por mim, apenas ficaram na promessa…”

Abraço e até mais…

 

Joabson Carlos

Anúncios
comentários
  1. Duarte Henrique disse:

    Fala galera, tudo bem? Se estiverem bem, também estarei!

    Estou sem palavras. O dircurso é duríssimo, mas o que tem de dureza, tem de verdade. Definitivamente não apoio a tese de que cristãos devem votar em cristãos. Mesmo porque, se for depender do nível de “cristãos” que geralmente de candidatam, reitero o que falei outro dia no Beréia, prefiro votar em ateus que sejam mais competentes. E não se iludam, em nosso meio não será diferente no ano que vem. Se preparem, e que Deus tenha piedade de nós, nos dando brio suficiente para enfrentar, ainda que de modo subversivo, situaçoes que merecerão tratamento de choque.

    Abraços!

  2. Gisele disse:

    Concordo plenamente..Triste mais a realidade..

  3. Karol disse:

    Concordo que no ano que vem, as vezes terá situações que desanimaremos em ir a igreja, principalmente em congressos…

    Mas, se os políticos evangélicos fossem honestos valeria votar neles, mas na realidade muitos deles quando ganham nosso voto nos envergonham!!!

    :(

  4. Dário disse:

    Galera,

    Sugiro um debate maduro a respeito desta questão.

    Realmente o autor e amigo Joabson conhece bem o mundo obscuro das denominações pentecostais. Essas denominações deveriam ter mais moral para falar a respeito disso (por não pregar teoricamente a teologia da prosperidade) mas acaba indo para o mesmo caminho.

    Para quem não sabe os nossos líderes já estão mexendo os seus pauzinhos para fazer aliança onde os Bispos e Apóstolos aí da vida estão fazendo. Politicagem pura:

    Vou indicar os vídeos de bandeja para vocês:


    A discussão que eu queria propor é: De quem é a culpa dessa bandalheira em nosso meio?

    Pastores que se dizem Pastores (com chamado para “pastorado”) acabam se iludindo com a política.

    Quem tem chamado para pastor tem também para política? Eu acho controverso.

    Nós precisamos de pastores que nos representem no congresso? Não bastava alguém comprometido com o evangelho de Cristo? Precisa ser “pastor”?

    Desafio a vocês encontrarem lá no site da Câmara dos Deputados algum projeto de deputados (que se dizem pastor, bispo, apóstolo, etc) que nos favoreça ou nos defenda. Vamos lá! Eu dou um doce.

    Até a próxima intervenção.

  5. Duarte Henrique disse:

    Bem, acompanhando o raciocínio inicial do artigo, bem coma a extensão proposta pelo Dário, eu diria o seguinte:

    “De quem é a culpa dessa bandalheira em nosso meio?”

    De pastores corruptos, ou no mínimo muito inocentes e mal instruídos, que acreditam que um envolvimento com o Estado poderá trazer algum benefício para a Igreja. Não entendem que são esferas incomunicáveis. “Dai a César o que é de César, e a Deus o que é de Deus”. Contudo, a culpa também é dos cristãos, obtusos politicamente, que ainda votam nesses “losers”, pois, para mim, um pastor que enviesa pela esfera política, de duas uma: ou nunca teve chamado pastoral e se enganou a vida inteira, ou então resolveu escarrar no seu ministério assumindo um posto político em detrimento de sua vocação ministerial. Não precisamos de representantes no congresso. Precisamos de pessoas competentes e honestas. Se tiverem valores cristãos, que bom. Mas que não usem inescrupolosamente sua fé como modo de chegar até lá, pois agindo assim, já negam o próprio cristianismo. Político tem que ser bom cidadão, e não, necessariamente, um bom cristão!

    Abraços galera!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s