Você é batizado no Espírito Santo?

Publicado: 15/01/2010 por estevameduardo em Devocionais
Tags:,

Texto por nosso amigo Thiago Neiva

Você é Batizado no Espírito Santo?

Hoje já não é de se admirar quando vemos congregações abarrotadas de pessoas se lançando ao chão, girando até cair (qualquer um cairia após girar tanto), e o mais predominante, falando em línguas “estranhas”. A grande maioria dá a autoria deste movimento ao Espírito Santo (difícil de acreditar uma vez que vivemos o ápice do engano religioso), e associam o falar em línguas ao Batismo no Espírito Santo.

Mas, o que significa ser Batizado no Espírito Santo? Alguns dizem que se não formos batizamos no Espírito, ou seja, falarmos em línguas, não seremos salvos. Outros pensam que o Batismo no Espírito Santo acontece quando entram em êxtase e saem rodopiando como um peão disparando uma rajada de línguas “estranhas” em meio da congregação.

Mas o que as Escrituras dizem a respeito? Na Primeira Epístola de Paulo aos Coríntios no capítulo 12 verso 13 diz o seguinte:

Pois em um só Espírito fomos todos nós batizados em um só corpo, quer judeus, quer gregos, quer escravos quer livres; e a todos nós foi dado beber de um só Espírito.”

A palavra Batismo que significa, “Imergir”, “Ir para dentro de”, já diz muito. Quer dizer que quando somos Batizados no Espírito, somos imersos no Espírito Santo, vamos para dentro do Espírito Santo, nos tornando um com Ele fazendo assim todos, parte de um só corpo.

No momento em que cremos no Senhor Jesus, somos introduzidos no corpo, Sendo ele um espírito conosco e nós com Ele, fomos mergulhados num só Espírito. É no crer que somos batizados no Espírito Santo, ao passar a fazer parte do corpo, num só Espírito. Não podemos confundir um dom, com o batismo no Espírito Santo.

Graça e paz!

Thiago Neiva Fonseca

Anúncios
comentários
  1. Duarte Henrique disse:

    É isso aí Thiagão,

    Falou tudo. Também nunca entendi porque se faz tanta confusão acerca desse assunto em nossas denominações. E vou além: esses sinais, como você citou bem, que geralmente são atribuídos ao Espirito Santo, na verdade podem ser, muitas vezes, frutos da mais pura carnalidade humana. Jesus certa vez disse “Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas?” Mt 7:22. Porém, Cristo os expulsará de sua presença. Quer saber se você é ou não cheio do Espírito Santo? É fácil, basta ver se você produz os frutos do Espírito! “Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança”.

    Abraços fraternos!

    • Opa…

      Assunto polêmico hein?

      Até que enfim o Duarte e o Thiago pensam em conjunto hein? heheheh Olha aí a nova dupla de dois heheeh

      Depois eu volto no debate com mais comentários.

      Fuisss

  2. Lima disse:

    Muito bem Thigo!!!
    l Co. 12.13 esclarece muito bem.
    Não existe esta palavra “estranhas” na Biblia, há não ser na pentecostal como forma de (inserção espúria). Línguas no grego é glossa (idioma) compreensivo e não estática. Interessante os “iluminados” são exatamente aqueles que têm a vida mais atrapalhada.

  3. Rômulo de Barros disse:

    No que diz respeito a esses “mistérios”, voltamos à primeira dispensação dos séculos: a Inocência. Acho que aí está o problema da comunidade protestante: a ignorância. Digo por mim mesmo! Não tem muito tempo que eu aprendi isso que o nosso colega Thiago nos ensina tão bem! Mesmo tendo frequentado a Escola Dominical anos e anos a fio!

  4. Paz Duarte…

    Uma coisa que devemos nos atentar com certeza é a carnalidade em meio a esses movimentos, sem falar do emocionalismo. Porque será que a maioria esmagadora dos que vivem essas práticas ditas espirituais são mulheres??? Já percebeu?

    Paz e graça seja contigo!

    • Roberto Cantanhede disse:

      Vixe… Isso aqui dá debate. Os que eu já vi fazendo kingkonguices em congressos nos últimos anos eram homens, embora eu concorde que o emocionalismo alcança de forma mais evidente nas mulheres.

  5. Thiago Neiva Fonseca disse:

    Thiago..

    Deus é tão soberano, que aos poucos vem nos revelando sua verdade cada vez mais, concordo plenamente com você, quando se vê pessoas prostradas no chão ou gritando, rodando dizendo que é o espirito santo… e não entendem o verdadeiro sentido de ser batizado com o espirito santo..
    Continue firme no senhor proclamando sua verdade!

    Bj*

  6. kathia Mendes disse:

    Thiago..

    Deus é tão soberano, que aos poucos vem nos revelando sua verdade cada vez mais, concordo plenamente com você, quando se vê pessoas prostradas no chão ou gritando, rodando dizendo que é o espirito santo… não entendem o verdadeiro sentido de ser batizado com o espirito santo..
    Continue firme no senhor proclamando sua verdade!

    Bj*

  7. Thiago Borges (ADTAG) disse:

    Bom dia, galerinha.

    Quanto tempo não passo por aqui, mas resolvi deixar minha opinião sobre este tão polêmico assunto. Nesta falação defenderei minha visão sobre o falar em linguas, posteriormente, relatarei os exageiros que isso tem tomado em nossas igrejas.

     Quanto o falar em línguas.

    Acredito que uma das evidências do batismo no Espirito Santo seja o falar em linguas.

    Em Lucas 24:49 está escrito: “E eis que sobre vós envio a promessa de meu Pai; ficai, porém, na cidade de Jerusalém, até que do alto sejais revestidos de poder.”.

    Quando Jesus cita o texto acima, está fazendo menção de que os discipulos precisavam experimentar algo novo e diferente sem a qual não estariam aptos para obra que haveria de ser realizada. O que nos chama atenção é que os discípulos já haviam presenciado o agir do Espirito Santo através no nome do Jesus, mas Jesus estava dizendo que eles precisavam ser revestido, imersos pelo Espirito Santo.

    Em Atos 2:1-6 está escrito: “E, cumprindo-se o dia de Pentecostes, estavam todos concordemente no mesmo lugar; E de repente veio do céu um som, como de um vento veemente e impetuoso, e encheu toda a casa em que estavam assentados. E foram vistas por eles línguas repartidas, como que de fogo, as quais pousaram sobre cada um deles. E todos foram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem. E em Jerusalém estavam habitando judeus, homens religiosos, de todas as nações que estão debaixo do céu. E, quando aquele som ocorreu, ajuntou-se uma multidão, e estava confusa, porque cada um os ouvia falar na sua própria língua.”

    A promessa de Jesus se cumpriu, mas o que me chama atenção neste texto é o alvorço que aconteçeu no momento do ocorrido. Se o batismo com Espirito Santo fosse silêncioso, não chamaria atenção, tão pouco ajuntaria uma multidão. Verdade é que o algo novo e diferente que Jesus havia dito estava acontecendo naquele exato momento. Embora o texto não dá detalhes sobre o ocorrido, mas uma coisa é certa, o poder que veio do alto foi tão grande que uma multidão inteira se acoglomerou diantes deles para saber o que está acontecendo.

    Baseado nisto, podemos inferir que o “eles foram cheios de Espirito Santo” os fizeram pular, chorar, falar alto, enfim, algo novo e diferente.

     Quanto as mulheres.

    Creio que o Thiago Neiva não foi feliz em seu comentário quanto as mulheres.

    Acredito que as mulheres são mais sensíveis ao Espirito Santo do que os homens, até por que as mulheres buscam mais, oram mais e dedicam-se mais. Além disso, as mulheres possuem um coração mais singelo e mais puro do que nós homens, consequentemente, o Espirito Santo possui mais liberdade em agir através delas.

    Verdade é que mulher possui papel fundamental na vida de um homem, tornando verdadeira a frase que diz: “Atrás de um grande homem (de Deus), existe uma grande mulher (de Deus)”.

     Quanto os exageros.

    Concordo pelenamento com o comentário do Duarte.

    Infelizmente, o falar em linguas tem tomado direções contrárias a palavra. Em muitas ocasiões afirmações esdrúchulas são defendidas como, por exemplo, “Só vai pro céu se for batizado com Espirito Santo”, sem nenhuma base bíblica para tal. É neste momento que precisamos estar alicercados na palavra para evitar tais doutrinas em nosso meio.

    Acredito que verdadeiro “estar cheio de Espirito Santo” é provado não somente pelo falar em línguas, mas pelos frutos do Espirito que são demonstrados na vida das pessoas que recebem a promessa. Jesus disse que a árvore sem fruto é cortada é lançada ao fogo, ou seja, sem frutos nada (sinais, obras, fé, dons) mais possui relevância, nada mais importa sendo que estes serviram de condenação para os mesmos.

    Enfim, é isso.

    Abraços.

  8. Thiago Borges…

    “Mas recebereis poder, ao descer sobre vós o Espírito Santo, e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém, como em toda a Judéia e Samária, e até os confins da terra.” Atos 1.8

    Atos 1.8 nos mostra que o propósito do revestimento de poder prometido pelo Pai não era meramente para gritar, pular e outras coisas mais as quais você citou, mas sim para sermos testemunhas. A multidão não se ajunta e se adimira por ver um povo barulhento pulando e rolando no chão, mas sim, ficam admirados por verem os galileus falando em suas próprias línguas, pois eram estrangeiros, leia o texto com atenção. Leia Atos 2 sem dar lugar a achismos.

    A questão das mulheres você não entendeu bem, e outra, só Deus pode julgar o coração de homens e mulheres. Mulheres são mais sensíveis ao Espírito? Buscam mais que os homens? Difícil dizer isso, a menos que você seja Deus.

    Correção:
    1-Não é atrás de um grande homem que existe uma grande mulher, mas sim ao lado.
    2-O Thiago Neiva é o mesmo Thiago Fonseca.

    Paz e graça seja contigo.

    • Thiago Borges disse:

      Olá Thiago, creio que não me fiz entender,

      Inicio pedindo desculpas se meu comentário foi ofensivo, creio que não, mas não é minha intensão, sua responsa carrega um tom muito pejorativo, coisa que não é típica de um cristão cheio do Espirito Santo, até por que se estou comentando é por li, e leio, com atenção e zelo, a palavra do Senhor Jesus. Não sou um leigo que resolveu defender um ideia qualquer. Completo que estou aqui nesta terra é para aprender, e concerteza tenho muito em que aprender com vc e com os outros.

      1) Em momento não citei que o revestimento do Espirito Santo tinha proposito ou finalidade de gritar, pular, rolar, chorar; enfim como está escrito na bíblia o proposito é, como voce mesmo disse, serem testemunhas e estarem preparadas para o IDE de Jesus.

      2) Quanto a multidão, uma luz escondida não chama atenção. A multidão quando recebeu o revestimento sentiu o poder de Deus em suas vidas, o revestimento não foi algo silêncioso, a bíblia cita que houve um alvoroço no momento. Neste ponto ninguém pode afirmar se houve, ou não, choro, grito, pulos e semelhantes, mas algo diferente e novo aconteceu. Vou além dizendo que quando estamos na chuva é para nos molharmos, ou seja, a evidência do revestimento foi muito clara no momento e não tempos após o recebimento do mesmo. Os frutos são mostrados com o tempo, mas a ousadia, a intéprides, ……, foram mostrados na hora do revestimento. Talvez tanta frieza no que tange ao assunto leva-nos a crer que vc nunca tenha recebido o poder do alto. Vc pode ser um servo do Senhor Jesus, devoto, fiel, frutífero, mas que não recebeu o batismo com o Espirito Santo. Estou falando de andar com Ele, ouví-lo, sentí-lo, não é somente acreditar, é vivênciar, creio que vc não acredite em tal ponto de vista, mas se um dia experimentar entederá o que estou dizendo.

      3) Por ter certeza que não sou Deus e realmente só Ele conheçe o ser humano. Mas o que a história nos remonta é que as mulheres são mais sucetíveis ao Espirito Santo. O Espirito Santo está disponível para todos, seja homem ou mulher, mas nós homens somos muito racionais o que em muitas vezes dificulta o agir de Deus em nossas vidas. Fé não tem razão.

      4) Ressalvo que realmente errei a palavra, a mulher não está atras, mas do lado. Um erro de português na escrita.

      Por enquanto é só.

      REINHARD BROONKE DIZ: MUITOS TEM SE PREOCUPADO EM ESTUDAR A BÍBLIA, MAS SE ESQUEÇEM DE ESTUDAR O JESUS DA BÍBLIA.

      • Thiago Fonseca disse:

        Caro Thiago Borges,
        Verifique Atos 2.4-6:
        4-E todos ficaram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito lhes concedia que falassem.
        5 – Habitavam então em Jerusalém judeus, homens piedosos, de todas as nações que há debaixo do céu.
        6 – Ouvindo-se, pois, aquele ruído, ajuntou-se a multidão; e estava confusa, porque cada um os ouvia falar na sua própria língua.

        Uma multidão pode se ajuntar sem que haja alvoroço, o texto não diz que houve alvoroço, mas sim, que uma multidão se ajunta para ver o que estava acontecendo, pois por serem estrangeiros ouviam os galileus falarem em suas próprias línguas, disso se admiraram e ficaram confusos sem entender o que tinha acabado de acontecer naquele momento.
        Deus os concede ousadia e intrepidez para anunciarem o evangelho, serem Suas testemunhas, tanto que ao serem revestidos Pedro se levanta juntamente com os onze e com ousadia anunciam o Cristo.
        àqueles homens.
        Todos quanto creram em Cristo em um só Espírito foram batizados em um só corpo (I Coríntios 12.13). Louvado seja Deus pela Bíblia!

        Paz e Graça!

        • Thiago Borges disse:

          Caro, Thiago Neiva.

          Perfeitamente, em Atos 2: 6 diz:
          > ACF: “E, quando aquele som ocorreu…”
          > AA: “Ouvindo-se, pois, aquele ruído…”)

          Há duas observações interessantes no texto:

          1) A narrativa é bem clara quanto à precedência dos fatos. Primeiro, ouve-se um barulho, um som. Segundo, ajudanta-se por acusa deste e Terceiro, ficam confuso por causa das linguas em seu próprio idioma.

          2) A narrativa é bem clara quanto o início do evento. Fazia vários dias que eles estavam reunidos e até então nada havia acontecido, nada de poder, nada do Espirito Santo, nada de barulho. Todavia, naquele dia algo aconteceu.

          OBS: Quero deixar claro que não estou defendendo gritos, pulos, choros, como já expliquei, mas que quando á um derramar do Espirito Santo em nossas vidas, isso pode ocorrer sem nenhum problema.

  9. Thiago Borges…

    O dom de línguas é concedida àqueles que uma vez foram batizados no Espírito. Uma coisa é diferente da outra.

    Paz!

  10. Thiago Borges…

    O dom de línguas não é para todos. I Coríntios 12 e 14. Leia!

    Paz!

  11. Josué Flausino disse:

    O dom de línguas é o menor dos dons.

    Estamos a um passo de começar a julgar as pessoas ?

  12. leonardo disse:

    Você esta enganado meu irmão existe sim batismo com o Espirito Santo. Um pouco de bíblia não te faria mal algum; cade os textos onde estão embassado sua fé do não crer em algo tão real? Po outro lado posso te provar segundo a bíblia: Attos 2: 1-13, 19:1-7, as profecias de Joel 2:23 e por ai vai…Quando aceitamos Juesu o Espirito Santo faz sim morada em nós, mas a medida da nossa fé e busca começamos a ter experiências sobrenaturais com Deus, reflita
    Há 15 anos atrás aceitei Jesus na 1ª Igreja Batista de Niteroi/RJ 3 meses depois fui para a 1ª batista renovada de Tribobó onde tudo começou a mudar. Hoje sou batizado com o Espirito Santo e com fogo falo em ontras líguas e tenho ajudado a muitas vidas poi batismo no Espirito é pra isso. Os disípulos começara a trabalhar com intripidez e ousadia pós batismo com o Espirito santo!!!!!!

  13. Leonardo,

    Em momento algum foi dito que não existe batismo no Espírito Santo, mas sim que não devemos confundir dom de línguas com este batismo no Espírito, nem mesmo devemos pensar que essas práticas um tanto carnais do “babar, cair e levantar” sejam o batismo no Espírito Santo… jamais.

    O ser batizado no Espírito Santo consiste em crer e a partir do crer sermos feitos um com o Espírito de Deus, e assim sermos feitos um só corpo, leia o texto novamente e tente entender. O dom de línguas é um algo que poderá ser concedido a alguém que já fora batizado no Espírito Santo.

    Leia os textos citados pelo irmão com mais cuidado, e não despreze o todo das Escrituras.

    Em Cristo,

    Thiago N. Fonseca

    • leonardo disse:

      É falta de entendimento de sua parte pois não existe batismo com Espirito Santo sem a evidencia em linguas me mostre um texto biblico que trata disso. Esse dom se recebe como batismo.
      Quanto a babar e cair no chão é ignorancia da sua parte pois ninguem disse que isso é batismo!!!

  14. Leonardo,

    Meu irmão, você batizado no Espírito Santo, imerso no Espírito Santo, vai para dentro dele e ele para dentro de você, a partir do momento em que você crê, passando assim a fazer parte do corpo de Cristo. I Coríntios 12.13
    “Pois em um só Espírito fomos todos nós batizados em um só corpo, quer judeus, quer gregos, quer escravos quer livres; e a todos nós foi dado beber de um só Espírito.”

    O falar em línguas é um dom, e este não é para todos:

    Têm todos o dom de curar? falam todos diversas línguas? interpretam todos? I Coríntios 12.30 – Leia todo o capítulo varão!

    Me diz o texto que relaciona dom de línguas com batismo no Espírito Santo??? Não misture as coisas, são coisas diferentes. Posso muito bem ser batizado no Espírito e nunca ter falado em línguas, mas não posso falar em línguas genuinamente sem ser batizado no Espírito.

    Engano seu que ninguém pensa que cair, rolar e coisa e tal seja batismo, conheço muita gente que pensa assim.

    Em Cristo.

    Thiago N. Fonseca

  15. Leonardo,

    Uma pergunta: O que é o batismo com fogo?

    Thiago N. Fonseca

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s