Palavra da Liderança – 1ª Semana Fevereiro

Publicado: 01/02/2010 por Duarte Henrique em Devocionais, Notícias
Tags:,

Fala Galera, Graça e paz!

É para honra e glória do Deus eterno que começamos mais uma semana. Não haveria mensagem melhor para se passar do que a da pregação de ontem: Deus está no controle de tudo! Por mais que nos sintamos muitas vezes abandonados no universo de nossas contingencialidades, Ele sempre estará conosco, falando de maneira sutil, de forma quase imperceptível, mas suficiente para àqueles quem tem o espírito aguçado. Se dermos “ouvidos”, ouviremos sua voz onde jamais poderíamos imaginar, sentiremos seu cuidado constante, e seu amor eterno…

Quero lembrar-lhes desde já que sábado que vem teremos o nosso primeiro Sabadão do ano, o de boas-vindas. Na ocasião, será apresentado o plano básico de atuação da MP para 2010, pautado também nas sugestões que vocês fizeram. Além do mais, teremos momentos de confraternização e muito crescimento. Posteriormente divulgaremos um “post” só para falar sobre esse primeiro Sabadão.

Pensem também, desde já, acerca do tema de nosso próximo culto, domingo que vem, “Deus sabe que sofremos” Rm 8.18

Antes de encerrar, só para descontrairmos, sugiro uma brincadeira para nos conhecermos um pouco melhor. É só uma sugestão, fiquem à vontade. É o seguinte, cada um, de maneira bem sucinta, diz um grande – não precisa ser o maior – constrangimento que já tenha passado. Ok? Eu vou começar:

Um dos maiores “vexas” que eu já passei na vida foi uma vez quando saí de uma prova que estava fazendo (passando mal), entrei no ônibus e comecei a vomitar (acho que a água que comprei estava estragada). Galera, é sério, o ônibus estava lotadíssimo, gente saindo pela janela, mas ninguém quis sentar do meu lado… uhuhuhuh por que será? O pior era quando eu tinha que levantar e vomitar pela janela. Sem contar que eu estava igual um indigente: com a camisa social do lado de fora e com o cinto na mão… uh, que vexa.

Abraços!

Liderança MP

Anúncios
comentários
  1. Rafael disse:

    Ô Duarte…Tinha outra idéia pra colocar não???
    São tantos momentos sem graça que eu já passei…

    Rapaz, acho que o mais sem graça de todos qu eu tive (e olha que são inúmeros) foi na 2ª série, em 1992.
    Estava lá eu sentadinho na minha cadeira de madeira quando do nada veio aquela vontade doida de soltar um peido. Tentei segurar de todas as maneiras. Até que chegou uma hora que não deu mais pra segurar. Aí eu pensei: “vou soltar bem devagarzinho que ninguém vai ouvir”. Rapaz, quando eu fui soltar, não consegui controlar a “potência” porque já estava segurando a muito tempo. Aí já viu né, aquele barulhão de motoca velha, aquela carniça, 35 coleguinhas e a professora olhando para mim, e eu falando pra todo mundo: “não fui eu”…

    hauahuahauhauahuahauhauhauhauhauahuahuahauhauhauahuahuahauh…

    Que peidorrerinhozinho…

    Quem é o próximo a contar um vexa aí???

    P.S.: será se tem algum pior que o meu??
    huahauhauahuah…

    • Dário disse:

      Eu não teria coragem de contar essa história aqui ahahahaahahahahaahah

    • Thayse Portela disse:

      Eu consigoo muuuito ver a sua cairinha falando “Não fui eu”, Rafael!
      …levantando a sobrancelha e um sorrizinho que num engana nem barata morta!
      hauahauhauhauhauhua.

  2. Fabricio disse:

    Olha essa!
    Estava eu dormindo na ksa de um jovem nosso da igreja, vendo as fotos de familia.
    Quando vi determinada foto da irmã dele falei bem alto: “NOSSA QUEM É ESSA BALEIA ENCALHADA?”
    Ele olhou sério pra mim e respondeu sem graça:
    ” minha mãe “

  3. Rômulo de Barros disse:

    É, Duarte, nada como como infernizar a vida de algumas dezenas de cidadãos dentro do ônibus! Hahhahaha

    Rafael, chefe, agora a gente descobriu de onde surgiu tanta inconveniência! Hihihihihihihi!

    Fábregas, meu filho, sempre boca grande, hein!? Tá achando que todo mundo é Jesiel que aguenta? Hehehehehe!

  4. Thayse Portela disse:

    Nossa.. essa do Duarteeee… kkkkkk. Eu n consegui neem imaginar! kkkkkkk

    Vou contar um tbm…

    Cenário: Ano passado, escola dominical, dia dos pais.
    Eu e a Kleinha (dsculpa amiga, vou te expor um pouquinho. rs) sentadas nos bancos da mocidade, conversarvamos sobre algo muuuuito importante bem na hora que o Pr. falou “Peço que todos os pais se coloquem de pé!”. Daí qndo vimos o reflexo de ‘pessoas’ levantando, ficamos em pé tbm. PEEEENSA? hahaha Bendito Darin que cutucou sua amada.. e sentamos. =D

    Outra com a Kleinha, também na Escola Dominical, cantando os hinos da harpa…
    Um hino q nunca tinha cantado antes, falava sobre rins, dor nos dentes, defluxões (???)…. Fiqueii tão intrigada com a letra – no mínimo diferente, que lendo ‘Senhor’ na harpa, cantei ‘Amor’.
    Foii o suficiente pra o desparo incontrolável de uma crise de risos entre nós.
    o constragimento? além de ver alguns irmãos rindo de nós, outros comentarem no final da escola…
    foi terrivel! hauahauahuahauhua

  5. Thayse Portela disse:

    hauahuahauhauahuaha

    Quase certeza que era o seu casamento… Agosto e tals…

    hauahauhauahauahau

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s