Pr. Caio Fábio – Sobre o Homossexualismo

Publicado: 01/07/2010 por Duarte Henrique em Devocionais, Vídeos
Tags:, , ,

Saudações amigos,

Algum tempo atrás postei algo aqui no blog sobre homossexualismo. Pois bem, aproveitando que em breve teremos um Beréia Debate sobre esse assunto, e para fornecer mais elementos a fim de termos uma discussão com conteúdo, disponibilizo aqui no blog a opinião do Pr. Caio Fábio sobre esse assunto. Tenho lá minha desavenças com relação a algumas coisas que ele diz sobre determinados assuntos. Porém, devo confessar que jamais vi ou ouvi um pastor falar sobre esse assunto com tanta profundidade. DEIXO CLARO QUE NÃO ESTOU DANDO AVAL A OPINIÃO DELE. E MAIS, ESSA NÃO É A OPINIÃO DA ASSEMBLÉIA DE DEUS DE MADUREIRA! Por fim, antes de sair por aí dizendo alguma coisa, tenha ao menos a hombridade de assistir todos os vídeos.

Abraços!

 

Anúncios
comentários
  1. Lima disse:

    Grande Duarte!!!
    Legal o tema, pena que o Caio Fabio não seja o melhor exemplo, visto que o mesmo foi deposto da IPB por práticas não bíblicas. Quantos suas posições ao tema exposto ele têm seu motivos, veja:
    14 de março de 2006
    Filho de Caio Fábio ajuda igreja gay
    Filho de Caio Fábio ajuda igreja gay

    Julio Severo

    Não é pecado ter um filho alcoólatra, adúltero, estuprador ou homossexual. E a Bíblia também deixa claro que os pais não serão punidos pelos crimes dos filhos.

    O pai sensato ama o filho problemático sem de modo algum tolerar sua conduta pervertida. Já por algum tempo, porém, sente-se na posição de Caio Fábio uma estranha hesitação de chamar o homossexualismo pelo único nome que a Bíblia o chama: pecado.

    Ele declarou:

    Os únicos homossexuais que eu já vi serem “curados” são os que nunca foram.

    Eu não tenho dúvida de que em muito breve ficará definitivamente provado — já se caminha com muita rapidez para isso — que a homossexualidade tem como fator preponderante a genética.

    Há pessoas homossexuais que nunca praticaram um único ato homossexual, mas nem por causa disso deixaram de ser. São os eunucos por amor ao Reino de Deus.

    É uma pena que não haja liberdade para as pessoas dizerem quem são.[1]

    Essas afirmações são apenas um pequeno exemplo de como Caio Fábio aborda a questão homossexual hoje em dia — da forma mais enigmática e ambígua possível.

    A opinião dele também é que as igrejas evangélicas do Brasil estão doentes. E enquanto ele cuida dessas igrejas, seu próprio filho ajuda a Igreja Comunidade Metropolitana (ICM), a maior denominação evangélica homossexual do Brasil. Mas ninguém nunca ouviu Caio declarar que a igreja de seu filho está doente…

    Trabalhando na ICM, Ciro D’Araújo, filho de Caio Fábio, escreveu, juntamente com o pastor da ICM, o documento pró-homossexualismo “O que os gays precisam saber sobre a Bíblia”, onde são debatidas todas as questões bíblicas que os evangélicos usam contra o homossexualismo.[2]

    O nome de Ciro D’Araújo também consta no site principal da ICM.

    O site homossexual Soul Food Ministry divulga que Ciro D’Araújo tem intenção de estudar para ser pastor da ICM. O mesmo site também divulga um artigo de Caio Fábio.

    Talvez seja hora de Caio parar de tentar “ajudar os outros” para ter tempo de ajudar seu próprio filho.

    http://www.juliosevero.com.br/

  2. Duarte Henrique disse:

    Grande Lima,

    Fazia tempo que não te via por aqui rapaz! Olha só pessoal, o site mencionado no post do Lima é o da Igreja da Comunidade Metropolitana. Eis o link http://www.icmsp.org/novoportal/
    Confesso que para mim é muito difícil sequer tolerar algo assim. Mas vou pedindo graça a Deus para não sentir algo ruim no coração. A vontade que dá, humanamente falando, é chegar lá e sair distribuindo murros e voadoras gospel em todo mundo. Mas sei que Jesus não faria isso. Se realmente quisermos dialogar com esse pessoal temos que aprender a ouví-los. Depois ainda me chamam de liberal…

    Abraços!

  3. Lima disse:

    Duarte, Jesus Faria sim! lembra do que Ele fez no templo? Saiu dando chicotadas em todos, Cristo não era esse bonachão como pinta os liberais.

  4. Duarte Henrique disse:

    Não Lima, Jesus fez aquilo no templo porque ele representava, para o povo de Israel, a presença de Deus, ou a “casa de Deus”. Mas com certeza ele não foi a nenhum templo romano ou grego e quebrou nada, pois ali simplesmente não existia nenhuma presença de Deus. Numa demonição como a ICM, é bem verdade que em muitas das nossas também, nada há nada de divino ali, e portanto nada a ser preservado. Devemos lutar, como disse Paulo, pela preservação da fé evangélica, mas como preservá-la num lugar que sequer ela existe?

    Valeu!

  5. Ana Cristina disse:

    Tema interessante!

    Sugiro mais um site, uma entrevista com o pastor Silas Malafaia que de uma forma brilhante explica em um Debate sobre PLC 122 da homofobia, tramitando no Congresso.

    aí vai:

    http://videos.gospelmais.com.br/video-silas-malafaia-no-programa-do-ratinho-debate-sobre-plc-122-e-homofobia.html

    ah, também quero deixar registrado minha reserva sobre as ideologias do pastor Caio Fabio. Me parece fazer parte de uma filosofia religiosa para mim não convicente, ah, também se posiciona de forma mto ambígua, obscura sobre Deus.
    abs,
    Ana Cristina

  6. Renné Francisco disse:

    Isso é tratar de um assunto da forma como um cristão deve tratar. Acho engraçado como a maoiria dos que se dizem servos de Cristo apenas condenam e esquecem do arrependimento, do perdão de Cristo e por aí vai.
    é mais facil criticar e condenar que amar, cuidar e respeitar o outro como seu semelhante criado a imagem e semelhança de Deus. Ô igrejinha hipócrita, farisaica e arrogante nos estamos vendo hoje.
    Deus me livre dessa raça de víboras.

  7. Fernando Vieira do Nascimento disse:

    Boa noite,a graça,paz e as misericórdias do Senhor Jesus Cristo,gostaria de saber como faço conhecer no rio grande do norte o caminho da graça,se existe algum templo ou representante.Obrigado pela resposta.

  8. asuerio nonato da silva disse:

    há 100 anos atrás a igreja não era contra a escravidão, há 20 anos a igreja era contra a separação do casamento. O próprio paulo concordava em que a mulher nao cortasse o cabelo e que não falasse na igreja, tb dizia para o escravo ser obediente ao seu senhor.. e muitas outras coisas… acho que a igreja ainda nao amadureceu pra entender o conceito “cultura”, o próprio Deus se sujeitou a culutra humana, qdo resolveu vir em forma de homem e preso em suas limitções. Um dia quem sabe consigamos entender que durante toda a Bíblia Deus agiu de maneiras diferentes “contraditórias” de acordo com o período e com seus objetivos. É díficil entender que no tempo da bíblia não existia a homoafetividade e que o homossexualismo só tinha como fim a fornicação, e por isso era umas das formas de sexo proibidas(para aquela época)? Será que o sexo antes do casamento não era proibido na época de jesus, não pelo ato em sí, mas pelos danos que causaria a mulher que não sendo mais virgem, se tornava rejeitada e condenada a marginalização pela sociedade da época? Alguns pastores estão a frente do seu tempo, como o Fábio, Godim, Kivitz.. dentre outros. Uma nação controlada pelo sistema, ainda não aprendeu a pensar, continuamos orando a Deus pedindo a revelação que o pastor falou na igreja, ao invés de pedir que a revelação venha diretamente do Trono de Deus e recheada com coragem de enfrentar o sistema religioso de homens. Oremos!

  9. pedro disse:

    quantos “crentes” homofóbicos, iracundos, raivosos, “santo dos santos”, já com o carimbo dos céus em seus passaportes celestiais……como diz a palavra naquele dia haverá muitas surpresas….cuidado…..vai que o povo que vocês querem esmurrar ou dar “voadoras gospel” sobem e vocês ficam…..fica a dica……”meu povo peca por falta de sabedoria”……vão ler a bíblia e seu contexto cultural, linguístico e espiritual…..as igrejas estão cheias de “vasos” que “comem” o que os dirigentes que estão a frente dizem, dando amém pra toda a teorização histórica, sem buscar se aquilo dito é verdade, se tem fundamentação bíblica ou não…..a questão do homossexualismo é debatida com medo e amedrontamento dentro das igrejas os “supostos pastores” sem estudos e conhecimentos suficientes metem boca a baixo dos “vasos” uma teorização histórica que vem passando de geração a geração sem questionamentos……pra “igreja” é conveniente que o homossexualismo ainda seja vista como uma aberração!!!!

  10. Lucimara disse:

    Os que se dizem filhos da promessa se mostram preconceituosos e raivosos e nao enxergam que quem é diferente é tao filho de Deus como qualquer um. O fato de ser CRENTE nao te faz mais digno do amor de Deus. Respeitem e amem as pessoas,Deus conhece os coraçaoes de todos,lembrem-se disto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s